Conteúdo

MP propõe a criação da Escola Estadual de Mediação

O Ministério Público do Estado do Ceará propôs ao Ministério da Justiça um Termo de Cooperação Técnica para a criação da Escola Estadual de Mediação, Conciliação e Práticas Restaurativas. A proposta foi lançada durante um encontro, na tarde desta terça-feira (5), com o procurador-geral de Justiça, Ricardo Machado, o coordenador dos Núcleos de Mediação Comunitária, promotor de Justiça Edson Landim, e o secretário nacional de reforma do Judiciário, Flávio Caetano, na sala de reuniões do MJ.
A mediação comunitária consiste na solução de conflitos de forma extrajudicial, sendo uma técnica de administração pacífica, que propicia o fortalecimento dos vínculos comunitários e o desenvolvimento de uma cultura de paz. O objetivo do encontro era sensibilizar o MJ para o fortalecimento da mediação, conciliação e práticas restaurativas com a criação da Escola Estadual. “Serão ofertados cursos, seminários, capacitações e formações nessa temática”, detalhou Landim.
A reunião entre MP e MJ foi considerada positiva. A expectativa é que ainda neste primeiro semestre seja assinado o Termo de Cooperação Técnica e ocorra o primeiro curso na Escola Estadual de Mediação. “A ideia é que o Ceará seja um difusor da mediação para a região Nordeste”, explicou Ricardo Machado.

Fonte: site do MP/CE