Conteúdo

Exposição fotográfica e palestra dão início às atividades do Esmec Artes 2019

Exposição fotográfica e palestra dão início às atividades do Esmec Artes 2019

A Escola Superior da Magistratura do Estado do Ceará (2019) realizará a abertura do projeto Esmec Artes 2019 no dia 1° de novembro (sexta-feira) com dois eventos direcionados à fotografia. Primeiro, às 14h será apresentada ao público a Exposição “Irmãos Vargas”, Exposição da coleção Paula e Silvio Frota do Acervo do Museu da Fotografia de Fortaleza. Depois, às 14h30, será ministrada a palestra “O que as Imagens Querem”, com o fotógrafo Silas de Paula.

O evento, assim como todos promovidos durante o Esmec Artes 2019, será aberto ao público e gratuito. Para se inscrever, basta realizar o login na plataforma Minha Esmec, conferir os “Cursos e Eventos” que estão com inscrições abertas e realizar a inscrição.

Com o objetivo de incentivar a democratização da cultura, a Escola Superior da Magistratura do Estado do Ceará (Esmec) dedicará a programação de eventos do mês de novembro para atrações artísticas. Projeto iniciado em 2018, o Esmec Artes chega em sua segunda edição com diferentes atividades artísticas e culturais para os integrantes do Poder Judiciário e para a população em geral.

Acesse o link para conferir toda a programação.

A exposição:

Um recorte da sociedade peruana entre os anos de 1912 e 1941. Vultos da época de ouro da fotografia peruana, Carlos e Miguel Vargas Zaconet mantiveram estúdio de fotografia em Arequipa, que se transformou em ponto de difusão cultural da cidade. Poetas, escritores, dançarinos e atores eram retratados pelos irmãos em atividades intelectuais, como debates e saraus. Fragilizados pela crise econômica de 1929, passou a ser mais comercial e deixou registrado um recorte sobre o povo peruano da época.

O palestrante:

Fotógrafo capixaba, nasceu em 1950 e reside no Ceará. Ph.D pela Universidade de Loughbourough, Inglaterra. Co-fundador e ex-diretor do IFoto – Ce, participou da organização e da curadoria de todas as mostras do DeVerCidade em Fortaleza; fez parte da comissão julgadora do Prêmio Conrado Wessel, em São Paulo; da seleção de projetos para o Edital da Secretaria de Cultura da Bahia, entre outras. É conselheiro e curador do Festival Encontros de Agosto desde 2011. Publicou livros e diversos artigos em revistas científicas e jornais, participou de várias exposições, ganhou alguns prêmios nacionais e internacionais. Foi professor do Curso de Comunicação e do Programa de Pós-graduação da Universidade Federal do Ceará – UFC. Atua na linha de pesquisa em Fotografia e Audiovisual. É membro do Conselho de Curadores do Museu da Fotografia de Fortaleza, no Brasil.