Conteúdo

Alunas dos cursos de Especialização da Esmec defenderam monografias nesta terça-feira

Rachel Girão pesquisou sobre métodos de tratamento de conflitos no Judiciário.
Rachel Girão pesquisou sobre métodos de tratamento de conflitos no Judiciário.

Nesta terça-feira (04/02), foram defendidos dois trabalhos monográficos na Escola Superior da Magistratura do Ceará (Esmec), produzidos por alunas dos cursos de pós-graduação lato sensu.
Rachel Girão Sobreira Mota, aluna do Curso de Especialização em Direito Processual Civil (Turma III), defendeu a monografia “Métodos de tratamento adequados de conflitos no Poder Judiciário”, às 15 horas, perante banca examinadora formada pelos professores William Paiva Marques Júnior (Me – Orientador), Lara Coe Mota (Esp) e Flávio José Moreira Gonçalves (Me).
Já às 16 horas, Lívia Costa Lima Penha Silva, aluna do curso de Especialização em Direito Público (Turma II), defendeu o trabalho intitulado “Uma análise constitucional: a família e a síndrome da alienação parental”. A banca foi formada pelos docentes Flávio Gonçalves (Me – Orientador), Sidney Filho (Me) e Maria de Fátima Neves (Esp).

Lívia Costa defendeu trabalho sobre síndrome da alienação parental.
Lívia Costa defendeu trabalho sobre síndrome da alienação parental.