Conteúdo

Reunião discute a importância da comunicação social para a magistratura

Reunião discute a importância da comunicação social para a magistratura

A apresentação da empresa que irá fazer a comunicação institucional da Associação Cearense de Magistrados (ACM) serviu de mote para que magistrados destacassem a importância dessa ferramenta para os membros do Judiciário cearense.

Nossa comunicação interna vem se desenvolvendo a contento, mas sentimos que precisamos melhorar muito nossa comunicação com o público externo. O foco desse nosso convênio não é beneficiar somente a ACM, e sim a magistratura cearense como um todo”, destacou a juíza Joriza Magalhães Pinheiro, diretora de comunicação social da entidade.

A reunião para divulgar a contratação da VSM Comunicação por parte da ACM foi realizada na tarde desta sexta-feira (24/11), na Escola Superior da Magistratura do Ceará (Esmec), e contou com a presença de vários juízes e do desembargador aposentado João Byron de Figueiredo Frota.

O encontro foi aberto pelo presidente da ACM, juiz Ricardo Alexandre da Silva Costa, para quem a parceria com a VSM “irá fortalecer a interlocução entre a Associação, os associados e a sociedade”. Prestigiou também o evento o coordenador geral da Esmec, juiz Ângelo Vettorazzi.

Pela VSM, empresa cearense com 28 anos de atuação no mercado, falou seu diretor-geral e controlador, jornalista Marcos André Borges. A empresa já conquistou diversos prêmios nacionais em comunicação, entre eles o prêmio Aberje – Associação Brasileira de Jornalismo Empresarial (maior premiação do segmento de comunicação corporativa) nas etapas regional (em Salvador) e Nacional (em SP).

    Juíza Joriza Magalhães: “O foco dessa contratação é a magistratura cearense”.
          Para Marcos André a comunicação é uma ferramenta estratégica para qualquer organização.