Conteúdo

Prova dissertativa do Mestrado da Esmec/Uece recebe 51 candidatos

Prova dissertativa do Mestrado da Esmec/Uece recebe 51 candidatos

f1
Comissão Examinadora (Flávio Gonçalves – Presidente, Leonel Gois – suplente, Edilson Baltazar – membro, e Neto Cisne – membro) explica as normas da prova dissertativa.

Foi realizada na tarde desta terça-feira (19/01) a prova dissertativa do processo de seleção do Curso de Mestrado Profissional em Planejamento e Políticas Públicas (MPPP), que a Escola Superior da Magistratura do Ceará (Esmec) realizará em parceria com a Universidade Estadual do Ceará (Uece).

Um total de 51 candidatos (dos 64 aptos a realizar a prova) compareceu à Esmec para fazer a prova dissertativa. Eles concorrem a 40 vagas.

A prova teve caráter eliminatório (o candidato deve tirar nota igual ou superior a sete), duração de quatro horas e constou de perguntas elaboradas e sorteadas dentre questões elaboradas pela Comissão Examinadora. A temática teve por base bibliografia indicada pela Comissão Examinadora.

A prova dissertativa é destinada a avaliar o grau de conhecimento, a consciência da resposta em relação à questão proposta, a sistematização, a articulação de ideias e a coerência dos argumentos, a capacidade de compreensão e síntese, a correção da linguagem e a clareza de expressão.

A divulgação do resultado da prova será feita no site da Esmec, no dia 26 de janeiro. Nos dois dias seguintes (27 e 28/01), na Secretaria da Esmec, de 14 às 17 horas, serão recebidos os recursos que possam vir a ser interportos contra o resultado. No dia 2 de fevereiro será publicado no site da Escola a decisão sobre os recursos que tenham dado entrada.

As próximas etapas da seleção do Mestrado (entrevista, avaliação do anteprojeto de dissertação e análise do currículo Lattes) acontecem nos dias 3 e 4 de fevereiro.

 

A prova desta terça-feira foi acompanhada, durante todo o seu desenvolvimento, pela Comissão Examinadora da seleção do Mestrado, composta pelos seguintes professores doutores: Flávio José Moreira Gonçalves (Presidente), Edilson Baltazar Barreira Júnior (Membro) e José Joaquim Neto Cisne (Membro). Compareceu também um dos suplentes, o professor Dr. Leonel Gois Lima Oliveira.

f2